Novidades
Home / Saúde / DISBIOSE – Possivelmente você conhece alguém que tem

DISBIOSE – Possivelmente você conhece alguém que tem


Muitas mulheres têm essa síndrome e não sabem, por que a maioria dos médicos também quando consegue identificar demoram demais para dar tal diagnostico. Falo isso por que aconteceu comigo. Depois de sofrer muitos anos passando por diversos especialistas nem deles passou nem pero do problema. Mas espero com esse relato poder ajudar algumas pessoas que possam ter os mesmos sintomas que eu.

O que é DISBIOSE INTESTINAL?

Que droga de palavra difícil é essa? Qual seu significado? Bem, DISBIOSE é o contrário de SIMBIOSE, que significa conviver em harmonia, ou seja, é uma desarmonia, um desequilibro da flora intestinal causada por bactérias intestinais hostis, levedura (cândida) e protozoários que tem um super crescimento, reduzindo assim a capacidade de absorção dos nutrientes pelo intestino. É também uma das causas desencadeantes da síndrome de hiper permeabilidade intestinal, no qual é observado um quadro inflamatório na mucosa intestinal que, com o passar do tempo, leva a uma desnutrição crônica e no desenvolvimento de afecções auto-imunes e alérgicas.

disbiose-intestinal-mid

A nossa flora intestinal é herdada de nossa querida mãe durante nosso nascimento ao percorremos o canal vaginal. As crianças que nascem de cesariana têm muito menos bactérias benéficas e muito mais bactérias ruins. Esse é um dos motivos de se recomendar tanto o aleitamento materno, pois quando são amamentados, os bebês absorvem as bactérias benéficas por meio do contato da boca com o bico do peito, e o leite materno é perfeito para alimentar a flora intestinal benéfica.

As mulheres são mais acometidas por essa síndrome devido aos hormônios ovarianos (estrogênio e progesterona) que influenciam a digestão.

Causas

  • Uso constante de antibióticos, anti-inflamatórios hormonais e não-hormonais e cortisona
  • Envelhecimento
  • Maus hábitos alimentares (como o açúcar, alimentos processados, alimentos que você seja intolerante)
  • Abuso de laxantes que eliminam as bactérias benéficas do intestino
  • Consumo excessivo de alimentos industrializados ricos em corantes e conservantes químicos
  • O pH intestinal
  • Alérgenos alimentares
  • Irritabilidade
  • Uso abusivo de álcool e cigarro
  • Infestação parasitária
  • Uso crônico de inibidores da bomba de prótons (Omeprazol)
  • Açucares , frutose em excesso e farinha de trigo
  • Dieta com excesso de proteína
  • Doenças intestinais, como diverticulose, inflamação intestinal e a prisão de ventre favorecem a DISBIOSE

Os sintomas da DISBIOSE são vagos e muitas vezes passam despercebidos, não diagnosticados e, pior ainda, descartados por muitos médicos. Por isso agora vamos descrever vários sintomas para você poder conduzir seu médico caso se enquadre nos sintomas.

Sintomas

  • Gases ou inchaço frequentes
  • Náuseas, enjoos
  • Cólicas ou muco no seu cocô uma vez por semana
  • Candidíase de repetição
  • Confusão mental, ansiedade ou depressão
  • Sensibilidade alimentar
  • Fungos de unhas
  • Falta de micronutrientes
  • Infecções urinárias
  • Libido reduzido
  • Fibromialgia
  • Dores de cabeça
  • Esofagite
  • Distúrbio de pele
  • Dores abdominais, persistentes sem causas justificáveis
  • Respiração crônica
  • Perturbações do sono
  • Fezes soltas, diarreia, constipação ou uma combinação de todas
  • Diagnóstico da Síndrome do Intestino Irritável (SII/IBS)
  • Histórico de gastroenterite ou intoxicação alimentar
  • Histórico uso de antibióticos prolongados
  • Unhas fracas e queda de cabelo
  • A intolerância aos carboidratos, particularmente depois de comer fibra ou feijão
  • Fadiga ou baixa energia
  • Comichão retal
  • Uso de antiácidos para azia, refluxo ou hérnia de hiato
  • A acne pós-adolescente ou outras irritações cutâneas como a rosácea
  • Autoimunidade ou uma condição autoimune tal como tireoidite de Hashimoto, psoríase ou esclerose múltipla
  • Congestão do seio

Caso você sofra de 6 ou mais sintomas acima relacionados, provavelmente você sofre de DISBIOSE. Recomendo que procure um especialista para fazer todos os exames e começar o tratamento.

Diagnostico

O nutricionista deverá se certificar que você não tem CANDIDA, que muitas vezes é a principal causa da DISBIOSE. O de teste (CDSA) é mais abrangente para todas as bactérias intestinais – incluindo a presença de Klebsiella , Candida, equilíbrio bacteriano, bactérias patogênicas, parasitas, capacidades digestivas (absorção de nutrientes) e gliadina (glúten). Deve ser feio também a culturas bacterianas fecais, exame clínico no abdômen hiper timpânico e verificação de dor à apalpação particularmente do cólon descendente e o teste pelo Vegatest, EIS ou Moraterapia.

Tratamento

A cura não é tão rápida, masa primeira coisa a ser feia é a cuidar da alimentação com dieta eliminando completamente: açúcar, vegetais ricos em amido, suco de frutas e frutas, alimentos processados e carnes, todos os cogumelos, vinagre, queijos envelhecidos, álcool, suco de frutas e e alimentos secos. E adicionando a alimentação os probióticos, os pré-bióticos e os simbióticos para aumentar a regulação da flora intestinal (conhecida também por microbiota).

Os probióticos em geral são produtos lácteos, fermentados ou não, que apresentam em sua composição microrganismos vivos muito importantes para o tratamento. Outra fonte rica em probióticos são os legumes fermentados como o chucrutes (repolho em conserva) e todos os alimentos em conserva (nabo, pepino, rabanete, alho poro, etc). Também podemos fazer uso de suplementação de probióticos (L-glutamina, verificar como o especialista), pois leva à recolonização intestinal com micro-organismos benéficos, restabelecendo o equilíbrio intestinal, a integridade da mucosa.

Devemos elevar o consumo de fibras (25 g/dia) e oligossacarídeos na dieta, que podem ser encontrados nos alimentos de origem vegetal, como a cebola, a banana, talos, raízes, folhas e sementes de diversos vegetais. E não se esqueçam água é vida, beba pelo menos 2 litros de água por dia. Dê sempre preferencia por comida de verdade.

por Redação

ATENÇÃO:
O site Mulheres Inesquecíveis Determinadas não fornece aconselhamento médico, diagnóstico ou tratamento. Todos os conteúdos são meramente informativos. Procure sempre um profissional da área para fazer um diagnóstico e posteriormente o tratamento adequado.

Comentários

Veja também

CAFÉ VERDE – Funciona contra OBESIDADE

Como muitos de nós que pesquisamos e estamos antenados em tudo que está relacionado com …